Páginas

Este site e aconselhado apenas para adultos, não incentivamos nenhum tipo de violência ao próximo, e nossas postagens são retiradas todas da própria internet.

DEFICIENTE MENTAL É ASSASSINADO POR POLICIAIS !!




O assassinato de Mauro Santana, 29 anos, ocorrido na tarde de quinta-feira (26), cometido por policiais militares, chocou a população codoense e mantém atônitos os moradores do Bairro Codó, mais especificamente, da rua Fausto de Sousa, onde morava a vítima. As informações da polícia sobre a motivação do crime dão conta de que os policiais agiram em legitima defesa, tudo isso depois de tentar por várias vezes conter Mauro, que, segundo os militares em depoimento a polícia civil, ameaçava com uma arma branca (um facão) o vizinho e policial militar Evaristo. 
Os policiais que estavam na operação, solicitou reforço e duas guarnições foram enviadas ao local. Mauro, ao avistar os policiais teria partido pra cima de uma das viaturas, o que teria obrigado os PMs a iniciarem a ação. A vítima recebeu tiros nas pernas e na testa. Segundo testemunhas, Mauro colhia capim para alimentar um animal quando teria iniciado discussão com o cabo Evaristo, vizinho dele. Da chegada dos policiais, a vítima esboçou reação, mas sem oferecer muito perigo à vida. A família informou que a vítima tem deficiência mental e estaria em crise no ato do crime.
A mãe de Mauro afirmou que o filho tomava medicamento controlado. De acordo com relatos de moradores da Rua Fausto de Sousa que conhecem o cabo Evaristo e a vítima, o policial sabia que Mauro era doente mental. Os nomes dos policiais envolvidos no caso, não foram divulgados pela 9ª Companhia Independente de Polícia Militar de Codó. O comandante, Major Jairo Xavier disse que o Comando da Capital já foi informado sobre o ocorrido e será aberta sindicância para apuração do caso. As armas foram recolhidas pelo quartel e serão periciadas.Via Codô Notícias

Fonte: bairrosinhasaboia