Colocar piercings nos genitais é perigoso? Descubra - (Vídeo)

Piercing colocado nos genitais pode infeccionar e prejudicar relações sexuais.

Usado para apimentar as relações sexuais e para aumentar o prazer, os piercings nos genitais ganharam popularidade no início dos anos 2000 e ainda fazem sucesso entre alguns jovens mais ousados. Embora sejam colocados na parte externa do corpo, esses acessórios podem causar problemas.


A dor e o desconforto dos piercings nos genitais também é superior ao dos de umbigo, orelha ou nariz, bem como a sua manutenção e higienização. Nos homens, a cicatrização demora cerca de seis semanas, enquanto que nas mulheres, o tempo é menor, em torno de quatro semanas.

Riscos dos piercings nos genitais para a saúde

Os piercings nos genitais são usados tanto por mulheres quanto por homens. Em ambos, há riscos eminentes para a saúde. Além de se prejudicar, a pessoa pode causar problemas ao seu parceiro também.

Por ser uma região com bastante umidade, a cicatrização demora mais tempo, e também fica mais propícia ao aparecimento de fungos. Mesmo havendo a cicatrização do local, ainda assim um pequeno canal ficará aberto na pele, onde bactérias e fungos poderão se acumular e causar infecções.



Durante a cicatrização, a região também poderá se deformar levemente, já que há o risco de a pele se “repuxar”. Em casos de infecções e outros problemas com a cicatrização do acessório, o mais indicado é retirar o objeto e procurar um médico imediatamente.

Na maior parte dos casos, a pessoa que teve o problema de infecção deverá usar pomadas e curativos especiais, bem como higienizar bem o local. Em situações mais avançadas, talvez seja necessário o uso de antibióticos.

Além de infecções, os piercings nos genitais também podem prejudicar a relação sexual. Mesmo causando a excitação nas preliminares e no sexo oral, durante a penetração, o usuário corre o risco de machucar o parceiro ou até mesmo de “perder” o acessório dentro do outro.

Quando há lesões, podem ocorrer sangramentos e estes, por consequência, têm sérias chances de transmitir hepatite, Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis. Outro risco comum entre os usuários é o rompimento dos preservativos no momento do contato com o piercing.



Tipos de piercings nos genitais



Os piercings nos genitais são colocados no clitóris ou lábios da vulva, no caso das mulheres, e no pênis ou escroto nos homens. Confira os mais usados e seus efeitos:

1. Frenum

É feito com titânio, um material super leve, e tem o formato de um anel. Ele é colocado logo abaixo da cabeça do pênis.

2. Guiche

Colocado entre o ânus e base do saco escrotal e tem o formato de argola. É o piercing que traz mais prazer para os homens.

3. Ampallang

É um halter usado no meio da glande e atravessa a cabeça do pênis na horizontal.

4. Clit Hood

Mulheres usam esse piercing, pois ele causa excitação quando a região é massageada. Ele é colocado na pele sobre o clitóris na posição vertical ou horizontal.

5. Lábia

É a técnica mais procurada pela mulherada, na qual uma argola é colocada nos lábios genitais (internos ou externos).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...