Preso sendo agredido na cadeia (Atualizado)

Um vídeo mostrando o brasileiro acusado de matar cinco mulheres na região colonizada por brasileiro no Paraguai, está circulando nas redes sociais do país vizinho. Cleverson Luiz Pires (22) foi preso na última sexta-feira (20), após ser encontrado em um assentamento na região da Colônia de Naranjal. As imagens mostram presos da penitenciária de Cidade do Leste agredindo o brasileiro.
Segundo informou o Jornal HOY, o diretor-geral dos Institutos Penais, Artemio Vera, disse que os guardas erraram em colocar o preso brasileiro em uma cela coletiva com presos violentos. Após a repercussão do vídeo, o diretor da penitenciária foi afastado d cargo.
Artemio Vera explicou que quando um acusado de matar ou estuprar mulheres ou menores chega a uma penitenciária, a orientação é colocá-lo em uma cela separada para garantir a integridade física. “Os presos sempre tem vontade de fazer uma espécie de justiça”, disse o diretor-geral, informando ainda, que o vídeo foi feito pelo autor da agressão, que será indiciado por tortura.
Cleverson está sendo tratado no país vizinho como serial killer, sendo o principal suspeito de matar Wali Adiers Jaster, de 46 anos, e as filhas Andresa Jaster Adiers, de 20 anos e Francieli Jaster Adiers, de 23 anos, moradoras do distrito de Itapúa e de Fátima Gonçalves Ramos, de 46 anos e da filha Giseli Gonçalves, de 17 anos, moradores do distrito de Naranjal.
Confiram o vídeo:


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...